Vamos emitir uma NFE?

Olá, tudo bem?

Este é um tutorial para te ajudar a configurar a plataforma do Raiz para emitir suas notas fiscais.

Temos 3 passos principais:

1 – Configuração do emissor com o número da nota e com o certificado digital.

2 – O Cadastro de Produtos e Clientes.

3 – O Cadastro de Tipo de Operação.

1. Configuração do próximo número da nota e certificado digital.

a. Configuração do número e série da NFe

No menu lateral, vá em Configurações –> Parâmetros

Clique em Editar.

Altere o número colocando o número da última nota emitida e a série que você utiliza.

Ao concluir, clique em Salvar

.

b. Cadastro do Certificado Digital.

No menu lateral, vá em Configurações –> Certificado Digital

Clique em adicionar.

Escolha um arquivo clicando no botão ‘Escolher Arquivo’

Coloque a senha e clique em Salvar

2. Cadastro de Produtos e Clientes

a. Cadastro de Produtos

No menu lateral, vá em Cadastro –> Produto

Clique em novo Produto.

Entre com as informações conforme abaixo.

Adiciona um código qualquer(único)

Adicione a Descição

Digite (ou cole) um NCM Válido

Escolha o tipo de produto.

O tipo de produto é importante para podermos diferenciar a regra fiscal.

há 4 opçoes:

I. Produção Própria – quando você é o responsável pela produção do produto.

II. Revenda Normal – quando você compra o produto sem ST e o revende.

III. Revenda Recebida com ST – quando você compra um produto que foi adquirido por ST por você ou anteriormente a você.

IV. Importação Direta – Quando você fez a importação do Produto e agora irá revendê-lo.

Selecione a origem da mercadoria. Se tiver dúvida, use este link.

Digite o código CEAN/GTIM. Na versão 4.00 da NFe, este código passou a ser obrigatório para os produtos que o tenham. Isso configura uma obrigação acessória da Emissão. Geralmente ele está na nota de entrada no caso de revenda ou importação. Se não sabe o que é esse código, clique aqui.

Digite a Unidade. Há uma nota técnica da Sefaz onde são listadas as unidades padrões. Todas elas estão na lista, se não estivar, pode colocar a que você está acostumado a usar com seus clientes.

Digite o preço sugerido. Este preço será puxado automaticamente na emissão da nota. Não se preocupe se o preço for definido nota a nota, é possível, e bem simples, alterá-lo na hora da emissão.

Clique em Salvar.

Repita os passos acima para cada produto que pretende inserir.

b. Cadastro de Cliente.

O Cadastro de cliente não é obrigatório antes da emissão, é possível realizar o cadastro durante a emissão das notas fiscais. Assim, fica a cargo do cliente se deseja fazer o cadastro dos clientes conforme a necessidade de emissão das NFes ou se o fará previamente através deste item.

No menu lateral, vá em Cadastros –> Cliente

Clique em Novo Cliente

Entre com as informações conforme abaixo.

Selecione o Tipo de Cliente/Pessoa.

I. Pessoa Jurídica

II. Pessoa Física

III. Estrangeiro

Dependendo do que foi selecionado no Tipo de Cliente, Digite o CNPJ, CPF ou ID de Estrangeiro respectivamente. No caso do CNPJ e CPF, o sistema fará uma validação inicial para verificar se são válidos ou não.

Digite a Razão Social, Nome ou Nome do Estrangeiro respectivamente.

Informe se o Cliente é Contribuinte do ICMS, Não Contribuinte ou Isento.

Se for Contribuinte colocar IE – Inscrição Estadual.

Se for o caso, preencha a ISUF – Inscrição Suframa

No campo CEP, digite os 8 dígitos do CEP do endereço no caso da Pessoa não ser estrangeiro. Ao sair do campo, o sistema trará o endereço do CEP. Você poderá alterar o Endereço relacionado ao CEP ou deixar como está.

Confirme ou digite o Endereço (Logradouro)

Digite o Número

O Complemento não é obrigatório, digite-o se for o caso.

Confirme ou digite o Bairro

Confirme ou selecione a UF

Confirme ou selecione a Cidade

Confirme ou selecione o País

As informações de contato não são obrigatórias, mas você pode deixar armazenadas para melhor organização.

Telefone Fixo, Celular e e-mail devem ter formato válido e isso será verificado pelo sistema.

No campo ‘E-mail para enviar NF-e’, você colocará o e-mail para o qual o sistema deve enviar a NFe se assim o desejar. Não esqueça de selecionar ao lado o que deve ser enviado, Danfe, XML ou os dois.

Clique em Salvar

Repita os passos acima para cada Cliente/Pessoa que pretende inserir.

3. Cadastro de Tipo de Operação.

 

O Cadastro de tipo de operação é onde fazemos a configuração dos parâmetros para a emissão rápida de uma NFe. Ele equivale ao cadastro dos parâmetros de um ERP. Deve ser feito com cuidado e tentar englobar o maior número de operações que você costuma fazer.

Uma vez cadastrada a Operação, você conseguirá emititr uma NFe em poucos clicks.

Como exemplo de operação, podemos citar “Venda de Produtos”, “Remessa para brinde”, “Transferência de Mercadoria” entre outros.

No menu lateral, vá em Configurações –> Tipo Operação

Clique em “NOVO TIPO DE OPERAÇÃO”

a. Tipo de Operação

Preencha o campo Nome da Operação, esse campo será de uso interno do sistema e você o usará para selecionar e buscar o Tipo de Operação.

Preencha o campo Natureza da Operação. Esse campo vai na NFe, no campo de mesmo nome. Procure preenche-lo conforme orientação do seu contador.

Selecione a finalidade da NFe. Na NFe temos 4 finalidades, 1 – NORMAL; 2 – COMPLENTAR; 3 – AJUSTE; 4 – DEVOLUÇÃO. Na emissão completa, todas as finalidades estarão disponíveis, para a emissão automatizada pelo cadastro de Tipo de Operação, apenas estará disponível a emissão Normal.

Determine o Tipo de NFe, se de ENTRADA ou SAÍDA

Determine se o destinatário desta NFe é consumidor final ou não.

Após preencher este primeiro quadro, clique no botão verde para prosseguir.

b. NCM e Tipo de Produto

Agora faremos a parametrização por NCM e tipo de Produto.

Digite o NCM que será parametrizado

Agora defina o Tipo de Produto.

PRODUÇÃO PRÓPRIA – Escolha esta opção se foi você que fabricou o produto.

REVENDA NORMAL – Escolha esta opção se você comprou o produto no mercado interno(Brasil) e vai revender este item.

REVENDA RECEBIDA POR ST – Escolha esta opção se você comprou este produto como contribuinte substituído ou de alguém que foi contribuinte substituído. Ou seja, se o ICMS da mercadoria já foi cobrado anteriormente por substituição tributária.

IMPORTAÇÃO DIRETA – Escolha esta opção se você foi o responsável pela importação direta do produto.

Para cada NCM/Tipo Produto, teremos o as configurações dos impostos por estado. Clique no botão verde para configurar o NCM/Tipo Produto

c. Localização da Operação / CFOP / CSOSN

Aparecerão todos os estados da federação e o distrito federal. A primeira UF que aparecerá, será a sua. Esse é o cadastro da operação interna. Os outros estados podem ou não serem configurados todos juntos.

Se preocupe em fazer o cadastro apenas das UFs que você usará, ou seja, com aquelas com as quais haverá operação.

Ao Clicar na UF o quadro já trará a localização da operação ( INTERNA ou INTER ESTADUAL ).

No caso de INTERNA, no campo UF aparecerá apenas a UF do seu Cadastro da Empresa. No caso de INTER ESTADUAL, você poderá escolher um ou mais UFs para configurá-las ao mesmo tempo. Você só conseguirá configurar mais de uma UF ao mesmo tempo se os parâmetros de configuração forem iguais entre elas.

Digite o CFOP da operação para o NCM/Tipo Produto para a UF selecionado.

Selecione o CSOSN para os dados imputados até o momento. Para a maioria dos códigos não há outras informações a serem inseridas, porém há alguns códigos que necessitam de mais informações. Se for o seu caso, converse com seu contador para que ele possa lhe orientar como preencher e em caso de dúvida, estamos à disposição nos canais de suporte.

Por último, caso queira colocar alguma informação adicional para este conjunto de parâmetros, coloque no campo Informações Adicionais conforme queira que vá na Nota.

Clique em confirmar e a configuração da(s) UFs que selecionou estará feita.

Agora você está de volta à tela com as UFs, configure todas as UFs que desejar para este NCM/Tipo Produto. Quado tiver terminado, clique no botão verde.

Agora você está na tela de cadastro de NCM/Tipo Produto novamente. Cadastre quantos NCMs for necessário voltando ao Item b deste tutorial.

Quando terminar, Clique em SALVAR, na parte superior esquerda da tela.